Itapipoca: 1891 famílias são beneficiadas com o cartão mais infância

0
(Foto: Assessoria de Imprensa do Gabinete da Primeira-Dama)

Itapipoca recebe nesta sexta-feira (2), o encontro do Cartão Mais Infância, que contará com a presença da primeira-dama do Ceará, Onélia Santana. A cidade possui 1.891 famílias beneficiadas com o auxílio de R$ 85, que também receberão acompanhamento pelas equipes de saúde da família e da assistência social.

Acaraú

Onélia, idealizadora do Programa Mais Infância Ceará, participou na quarta-feira (31) da reunião do Cartão Mais Infância, em Acaraú, com 1.132 famílias contempladas com a ação. “Esse é um momento com as mães, com as famílias, que receberão esse benefício de R$ 85. Elas foram selecionadas pelo Ipece, que fez o levantamento e constatou que mais de 50 mil famílias estão em vulnerabilidade social e precisam deste suporte financeiro. O Governo proporcionou essa transferência de renda diretamente para as famílias cearenses com crianças na primeira infância”, ressaltou a primeira-dama.

O prefeito de Acaraú, Alexandre Gomes, destacou a importância da iniciativa paras as famílias e para a cidade. “É um projeto importante do Governo do Estado. O Cartão Mais Infância veio em uma hora boa, um momento de dificuldades para todos. Vai atingir essas mães com filhos até cinco anos de idade durante esses dois anos. São 1132 famílias que vão receber esses 85 reais por mês. Vai gerar uma renda para as famílias e aumentar também a renda do município”, destacou o prefeito.

Cartão Mais Infância

O Cartão Mais Infância é destinado a famílias em situação de extrema vulnerabilidade social com crianças de 0 a 5 anos e 11 meses. A condição para o receber o Cartão é que as gestantes devem realizar o pré-natal e as mulheres que amamentam devem ter acompanhamento da saúde; crianças de 0 a 6 anos devem estar com cartão de vacinação em dia e serem acompanhadas pela Estratégia Saúde da Família; preencher o questionário do aplicativo Mais Infância; e participar de encontros comunitários com temáticas que promovam o desenvolvimento da parentalidade responsável.

Além da transferência mensal de R$ 85, a família também terá acesso preferencial aos programas financiados pelo Fundo Estadual de Combate à Pobreza nas áreas de habitação, segurança alimentar, saúde, educação e inclusão produtiva. Para informações ou dúvidas, as famílias devem ligar para o número (85) 3101.4613/3101.2104/3101.2101.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.