Sua mensagem foi enviada com sucesso. Em breve responderemos.

Fale conosco

Fechar
Início » Notícias » Mundo » Reino Unido suspende campanha eleitoral

Reino Unido suspende campanha eleitoral

Políticos britânicos interrompem eventos e comícios partidários da eleição legislativa marcada para 8 de junho. Premiê Theresa May preside reunião com comitê de emergência acionado em situações de crise.A campanha para as eleições legislativas antecipadas no Reino Unido, marcada para 8 de junho, foi suspensa depois de uma explosão ter deixado ao menos 22 mortos e mais de 50 feridos no fim do show da cantora Ariana Grande em Manchester. A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, divulgou na manhã desta terça-feira (23/05), cerca de quatro horas após a explosão, uma declaração condenando o que chamou de ataque terrorista. “Estamos trabalhando para estabelecer os detalhes completos do que está sendo tratado pela polícia como um terrível ataque terrorista. Nossos sentimentos se voltam para as vítimas e famílias daqueles que foram afetados”, disse May. O líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, reagiu ao “terrível incidente” escrevendo em sua conta no Twitter que seus “sentimentos se voltam para todos os afetados”. Posteriormente, ele postou uma declaração mais longa. “Estou horrorizado com os aterrorizadores acontecimentos em Manchester. Meus sentimentos se voltam para as famílias e amigos daqueles que morreram e foram feridos”, diz um trecho. A conservadora May e seu rival trabalhista, Corbyn, concordaram em “suspender até nova ordem” as campanhas eleitorais. O líder dos liberais democráticos, Tim Farron, cancelou uma visita de campanha a Gibraltar. A bandeira britânica foi hasteada a meio mastro no número 10 da Downing Street, residência oficial da primeira-ministra, em sinal de luto pela morte das 22 pessoas em Manchester. Na própria residência, May presidiu nesta manhã uma reunião da Comissão Cobra, um comitê de emergência que é acionado em situações de crise e inclui representantes de forças da polícia e de outras autoridades. PV/lusa/ap/rtr

Noticias Relacionadas:

Deixe seu comentário