Sua mensagem foi enviada com sucesso. Em breve responderemos.

Fale conosco

Fechar
Início » Notícias » Policia » Líder do Comando Vermelho e membro do PCC no Ceará é preso em Goiás

Líder do Comando Vermelho e membro do PCC no Ceará é preso em Goiás

imageUm dos líderes do Comando Vermelho (CV) e membro do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Ceará e no Nordeste, Vicente Antônio de Freitas Filho, 30, foi preso na última quinta-feira (15), em Goiânia, Goiás, após investigação do trabalho de inteligência do Pacto Interestadual de Segurança Pública daquele Estado e operação da Polícia Militar. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP) nesta sexta (16).

Segundo a assessoria de comunicação da SSP-GO, a Polícia recebeu a denúncia que Vicente estava em território goiano há poucos dias e logo chegou a ele, em um hotel, onde estava com a esposa, Jéssica Andrade da Silva, e com um segurança, Francisco José Costa. Os três apresentaram identidades falsas na ação policial e foram detidos. O criminoso estava articulando o tráfico de drogas na região.

Vicente Antônio acumula passagens na Polícia por homicídio, roubo, receptação, tráfico de drogas, falsidade ideológica, porte irregular de armas de fogo e formação de quadrilha. E ainda é acusado de extorsão, sequestro e cárcere privado, roubo de cargas e explosão de caixas eletrônicos.

De acordo com a investigação, o criminoso é conhecido por agir com extrema violência com suas vítimas, ao ponto de decapitar algumas. “É um criminoso da mais alta periculosidade”, definiu o comandante do Grupo de Intervenção Rápida e Ostensiva da PM de Goiás, major Elder Joaquim da Costa.

O criminoso preso em Goiânia é conhecido pela polícia cearense como “Vicente Peru” e constava na lista dos mais procurados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE). Segundo o órgão, ele é fugitivo da antiga Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Luciano Andrade Lima (CPPL 1), no município de Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

D.N.

Noticias Relacionadas:

Deixe seu comentário