Com estoque baixo, Hospital Regional Norte precisa de doação de leite materno

0
(Foto: Divulgação)

O Banco de Leite do Hospital Regional Norte (HRN), em Sobral, precisa de doações de leite materno para atender os bebês internados na unidade de saúde. Atualmente, o estoque do banco de leite é de 1,18 litro para atender a 38 bebês que estão em tratamento no serviço neonatal do HRN: oito na UTI Neonatal, 21 na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) e nove na Enfermaria Mãe Canguru. O ideal seria 40 litros por mês para manter o estoque confortável.

“O nosso maior perfil aqui é de crianças prematuras, mas também temos pacientes com problema de asfixia, infecção e os que precisam passar por cirurgia. Recebemos pacientes tanto da emergência (do HRN), como da Santa Casa de Sobral. A maioria deles precisam de leite materno”, ressalta a coordenadora médica do serviço de neonatologia, Carla Soares.

A dona de casa Mirlane Nascimento Silva, de 20 anos, do município de Tianguá, viveu a sua primeira experiência como mãe doadora nesta quinta-feira, 25. “O meu bebê está usando sonda, com isso, ele não está mamando. Eu estava com excedente de leite. Daí a nutricionista me falou da possibilidade de eu ir doar. Fico muito feliz em saber que estou ajudando outras crianças”, afirma. Mirlane acompanha o filho Enzo Gabriel, de um ano, que está internado na observação intermediária pediátrica, tratando de uma pneumonia.

O alimento produzido pelas mamães tem um papel fundamental no desenvolvimento de toda criança, é o que destaca a nutricionista e coordenadora do Banco de Leite do HRN, Samara Andrade. “O leite materno é essencial nesse início de vida. Não somente pelo seu valor nutritivo de saciar a fome e ajudar a ganhar peso. Somente o leite humano funciona como uma vacina na recuperação da saúde dos recém-nascidos, contribuindo também com a diminuição do tempo de internação”, ressalta. A mãe que está em casa e deseja realizar a doação precisa ter alguns cuidados essenciais: estar saudável, com os exames de pré-natal em dia e ter dado à luz há três meses. Caso não esteja em dia, a atualização dos exames pode ser feita no HRN.

Banco de leite

O Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital Regional Norte funciona todos os dias da semana para as doadoras permanentes. As mães que desejam fazer a primeira doação são atendidas de segunda a sexta-feira, das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas. Para agendar o primeiro atendimento e esclarecer dúvidas, as mães podem ligar para o telefone (88) 3677-9300.

No último mês de dezembro, o banco de leite do HRN recebeu, mais uma vez, o certificado de excelência na categoria A em manejo do aleitamento materno. O serviço já havia sido certificado em 2016. O prêmio é concedido pelo Programa Ibero-americano de Bancos de Leite Humano e desenvolvido pela Fundação Oswaldo Cruz. São agraciados os bancos que utilizam padrões de segurança e qualidade no manuseio, levando em consideração a coleta, pasteurização e distribuição.

Cuidados com o leite doado

Para estocar, podem ser utilizados vidros de café solúvel e maionese esterilizados. O líquido deve ser conservado no congelador por até 10 dias e caso seja descongelado, não pode ser congelado novamente. O leite doado, quando chega ao hospital, passa por um rigoroso processo de pasteurização, só então é liberado para consumo.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui