PUBLICIDADE

Polícia Federal investiga fraudes em licitações para compra de material didático

Foto: Polícia Federal

Na manhã desta sexta-feira (11/03), o município de Beberibe, a 83 km de Fortaleza, foi alvo da Operação Livro Oculto, da Polícia Federal. O intuito da ação é investigar possíveis fraudes e pagamentos de propina para servidores públicos através de processos de licitação para compra de livros didáticos nos anos de 2019 e 2020.

Na ocasião, foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão em domicílios localizados em Fortaleza, Caucaia, Maracanaú, Pindoretama, Iguatu e Jucás. Setenta policiais federais e dez servidores da Controladoria Geral da União (CGU) atuaram na apreensão de mídias digitais, aparelhos celulares, bens e documentos.

Realizadas desde 2020, as investigações apontam para um suposto esquema criminoso envolvendo pagamentos de propina, superfaturamento de bens licitados, empresas de fachada, sobrepreço e lavagem de dinheiro proveniente de desvio de recursos públicos. Inclusive, os investigados já foram indiciados em outras ocasiões por crimes similares.

Após a análise do material apreendido, os envolvidos podem responder pelos crimes de lavagem de dinheiro, fraudes em licitações, associação criminosa, corrupção ativa e passiva.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Imprimir