A Notícia do Ceará
PUBLICIDADE

Elmano diz que “aquele que matar no Ceará será caçado e preso”

Fortaleza recebe uma operação de Fortaleza atuante nas áreas de maior incidência criminal, contando com 61 equipes da forças de segurança do Ceará. A ação ocorre dias após chacinas, tentativas de homicídios e outros crimes contra vindas registrados na Capital.

Antes da deflagração da operação, o Governador do Ceará, Elmano de Freitas, disse: “Todo aquele que cometer homicídio no Ceará, nós vamos caçar até prender”. Além disso, o gestor revelou que equipes da operação também distribuídas em Maracanaú e Caucaia, fora 12 blitz já estão atuando em Fortaleza.

O governador ainda agradeceu o trabalho das forças de segurança, profissionais que colocam “sua vida em risco para proteger o povo cearense”.  Já nesta manhã, Elmano anunciou que 426 novos policiais militares serão convocados para começarem a formação na Academia Estadual da Segurança Pública (AESP). Ademais, o gestor estadual ainda determinou a convocação de outros 400 candidatos do último concurso para Polícia Militar (PM) o mais rápido possível.

Há expectativas que 428 servidores sejam empossados na Polícia Civil nesta quarta-feira (26), fora 80 novos peritos forenses, que devem tomar posse na semana que vem.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Imprimir