PUBLICIDADE

Procuradores expõem tentativa de interferência política na nomeação de desembargadores

Foto: Reprodução

Durante sessão extraordinária do Conselho Superior do Ministério Público do Ceará, o procurador Lucídio Queiroz Júnior relatou tentativas de interferência política na nomeação de desembargadores. Na ocasião foi formada a lista de promotores e procuradores para a vaga no Tribunal de Justiça do Ceará.

Apesar das identidades não terem sido reveladas, sabe-se que os pedidos de votos foram feitos por deputados estaduais e federais. O procurador, inclusive, teceu comentários de desaprovação sobre essas práticas, já que a Instituição tem total liberdade e autonomia para fazer a escolha dos nomes.

Outro procurador do Ministério Público, Francisco Xavier Barbosa Filho, também relatou ter recebido a mesma abordagem por parte de figuras públicas com o mesmo intuito. “Realmente é constrangedor, é inconveniente, é inadequado. Recebi também telefonemas de políticos que há dez anos eu nem cumprimentava”, comentou.

A Instituição, através da assessoria do procurador-geral de Justiça, Manuel Pinheiro, informou que não irá se manifestar sobre o assunto.

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no print
Imprimir