A Notícia do Ceará
PUBLICIDADE

Pefoce já possui 11 mil registros de DNA de criminosos

Com cerca de 12 mil nomes de condenados por crimes hediondos, o Banco de Dados de DNA da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) já registra aproximadamente 11 mil perfis genéticos. Segundo o perito-geral Júlio Torres, a ferramenta permite comparações de material genético coletado em cenas de crimes, contribuindo para esclarecer homicídios de autoria desconhecida.

Pefoce já possui 11 mil registros de DNA de criminosos
Foto: Divulgação/Pefoce

O profissional exemplificou a eficiência do banco de dados com o caso da chacina em Viçosa do Ceará, ocorrida no dia 20 de junho. Através do banco de dados, foi possível provar que uma das armas usadas na chacina também esteve envolvida em um homicídio em Ubajara, cidade vizinha, quatro dias antes.

Medidas de Segurança Pública

Após a chacina em Viçosa e um ataque no bairro Barroso, em Fortaleza, um pacote de medidas de segurança pública foi anunciado. Entre as medidas anunciadas, destaca-se a incorporação de cerca de 2.700 novos agentes.

Isso inclui 80 novos servidores da Pefoce, 428 policiais civis empossados recentemente, além de 1.185 soldados e 160 oficiais da Polícia Militar em formação, que já estão em treinamento nas ruas. Adicionalmente, outros 400 concursados da PM deverão ser convocados para iniciar a formação na Academia Estadual de Segurança Pública (Aesp).

Acompanhe mais notícias da Rede ANC através do Instagram, Spotify ou da Rádio ANC.

 

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Imprimir