domingo, novembro 18, 2018
Início Saúde Saúde é o principal problema citado em todas as capitais, aponta Ibope

Saúde é o principal problema citado em todas as capitais, aponta Ibope

0

A saúde aparece como a principal preocupação dos eleitores de todas as 26 capitais brasileiras, segundo pesquisas Ibope realizadas nesta semana e na semana passada.

Em apenas uma capital a saúde não figura sozinha na primeira colocação: em Porto Alegre. Na capital gaúcha, 37% apontam a saúde como a área mais problemática da cidade; já a segurança é citada por 36% – dentro da margem de erro, de 4 pontos.

Em Cuiabá e em Campo Grande, ela atinge o maior patamar: 62%. No caso da capital de Mato Grosso, existe uma diferença de 53 pontos percentuais para as segundas maiores preocupações dos eleitores (segurança e educação, empatadas com 9%).

A segurança, aliás, aparece como a segunda maior preocupação em 23 das 26 cidades. Ela só perde para educação (com 15% em Florianópolis), impostos e taxas (com 14% em Palmas) e transporte coletivo (com 12% em Manaus).

Moradores de outras cidades onde o Ibope fez coleta de dados nos últimos dias também colocam a saúde como a maior preocupação. São elas: Santos, São José dos Campos, Juiz de Fora, Juazeiro do Norte, Araraquara, Ribeirão Preto, Campinas, Londrina, Sorocaba, Feira de Santana, São Carlos e Uberlândia.

A pergunta feita pelo Ibope foi: “Desta lista de áreas onde as pessoas vêm enfrentando problemas de maior ou menor gravidade, por favor, diga qual é a área em que, na sua opinião, a população da cidade está enfrentando os maiores problemas”.

Veja a lista:

– Calçamento de ruas e avenidas
– Saúde
– Educação
– Trânsito
– Transporte coletivo
– Assistência Social
– Geração de empregos
– Iluminação pública
– Limpeza pública
– Abastecimento de água
– Segurança pública
– Habitação
– Meio ambiente
– Impostos e taxas
– Administração pública
– Atividades esportivas
– Atividades culturais
– Opções de lazer
– Rede de esgoto
– Corrupção

Todas têm nível de confiança de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. Elas estão registradas nos TREs (tribunais regionais eleitorais) e no TSE.

Preocupação dos eleitores

Saúde

Saúde

Saúde

Saúde

Saúde

Saúde

G1

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.