A Notícia do Ceará
PUBLICIDADE

Quatro cidades do Ceará estão entre as mais violentas do Brasil

De acordo com a pesquisa Atlas da Violência 2024, que considera as  dentre as taxas de homicídios nos municípios com mais de 100 mil habitantes, dentre as 50 cidades mais violentas do Brasil, quatro estão localizadas no Ceará.

O município cearense com mais homicídios no ranking é Maracanaú, que ocupa a 18ª posição geral e é estimado que tenha 58 assassinatos a cada 100 mil habitantes. As outras três localidades do Estado no levantamento são Caucaia, com uma taca de 56,2, Sobral, tendo um índice de 48,3, e Fortaleza, com 45,3.

O Atltas usou uma metodologia que leva em consideração a quantidade de assassinatos estimados, o que inclui aqueles que foram registrados juntamente com os homicídios ocultos. A pesquisa afirma que os dados deste levantamento consideram mortes violentas que não foram assinaladas como homicídio pelo estado, mas que têm grande probabilidade de serem assassinatos.

Considerando apenas as capitais, Fortaleza é quinta mais violenta do país, ficando atrás somente de Salvador, Macapá, Manaus e Porto Velho. Além disso, o levantamento expõe que o Ceará é o segundo estado na região Nordeste com o maior índice de homicídios estimados, tendo um valor de 39 assassinatos por 100 mil habitantes, perdendo apenas para a Bahia, que tem uma taxa de 46,8 por 100 mil habitantes.

O levantamento ainda detalha que as maiores taxas de homicídios estão presentes em municípios litorâneos e arredores das regiões metropolitanas, sendo o Ceará um dos estados com alto índice nas regiões interioranas. Ademais, apenas oito municípios do Estado tinham mais de 100 mil pessoas em sua população em 2022, e as aquelas que não aparecem no ranking das 50 mais violentas são Maranguape, tendo uma taxa de 43,8, Crato, com uma taxa de 34,3, Juazeiro do Norte, com 29,7, e Itapipoca, possuindo um índice de 15,3.

O município cearense que mais chama atenção neste quesito é São João do Jaguaribe, que em 2022 teve 14 assassinatos em uma população de 6 mil pessoas. Isso fez com que a cidade tivesse uma taxa de de homicídios de 239,1.

WhatsApp
Facebook
Twitter
Telegram
Imprimir